Perguntas Frequentes - iAP

+

A iAP é uma plataforma central orientada para os serviços e que tem como objectivo dotar a Administração Pública (AP) de uma ferramenta partilhada, que permita a interligação dos sistemas da AP e a composição e disponibilização de serviços electrónicos multicanal mais próximos das necessidades de cidadãos e empresas, através de quatro serviços independentes: Integração, Mensagens, Pagamentos e Autenticação.

+

A iAP disponibiliza serviços de autenticação do cidadão, possibilidade de autorização online do cidadão para consulta de dados, acesso a um Catálogo de Serviços online e respectiva gestão, comunicação segura entre Sistemas de Informação, pagamentos online e serviços de envio e recepção de mensagens, entre outras funcionalidades.

+

É simples. Basta contactar a Agência para a Modernização Administrativa (AMA) carregando no botão "Enviar E-mail" nas páginas de serviço, ou perguntas frequentes. Em um futuro próximo será possível aderir diretamente a partir do site da iAP.

+

É simples. Basta contactar a Agência para a Modernização Administrativa (AMA) carregando no botão "Enviar E-mail" nas páginas de serviço, ou perguntas frequentes. 

+

A iAP disponibiliza um conjunto de padrões, regras e procedimentos, com o objectivo de promover a utilização e partilha de serviços electrónicos entre entidades.

+

É uma solução que proporciona um método fácil, integrado e seguro de disponibilização de serviços electrónicos transversais, focados no utilizador, tendo em vista o processo de modernização administrativa.

A Plataforma de Integração possibilita o consumo de serviços, mas também permite que as entidades interessadas forneçam os seus serviços a terceiros, disponibilizando o acesso através de um único ponto, a um conjunto variado de serviços, com maior segurança e garantia de assistência técnica.

+

Apesar da sua actividade estar mais focada nas entidades da Administração Pública, a Plataforma de Integração alargar a área de actuação a todas as entidades privadas que demonstrem interesse na utilização desta solução.

+

Esta plataforma permite a disponibilização e a gestão integrada de múltiplos métodos de pagamento (incluindo Multibanco), de acordo com os diferentes canais de atendimento, garantindo a integração plena com os sistemas operacionais via Web Services, a gestão operacional simplificada e segura, através de um backoffice e a utilização da plataforma 3D Secure (Verified by Visa e Secure Code da Mastercard), para prevenir a utilização fraudulenta dos cartões.

+

A Gateway de MENSAGENS permite o envio e recepção de MENSAGENS , alargando o número de canais de contacto disponíveis para a gestão do relacionamento das entidades com os cidadãos. No canal SMS está também disponível a utilização de números curtos e de fácil memorização.

O Recenseamento Eleitoral, o serviço MENSAGENS Reboque e o sistema de filas de espera das Lojas do Cidadão são alguns dos serviços disponibilizados através da Gateway de MENSAGENS.

+

Permite a autenticação dos utilizadores com o Cartão de Cidadão, em sites ou portais devidamente credenciados e autorizados para esse efeito. Através desta funcionalidade é possível ao cidadão autorizar a consulta online de determinados dados com perfeito conhecimento da finalidade da consulta e dos dados consultados

+

Através da funcionalidade Single Sign-On o cidadão ao autenticar-se através do Fornecedor de Autenticação num portal pode navegar nos portais aderentes sem necessidade de nova autenticação. Deste modo garante-se que apenas necessita de autenticar-se uma única vez para executar um ou vários serviços, que podem ser iniciados em portais transversais (Ex: serviço apresentado no Portal do Cidadão e concretizado no site de determinada Câmara Municipal). 

+

Na Área Pública é apresentada a informação institucional considerada relevante para o esclarecimento do público em geral e, em particular, das entidades que pretendem aderir à iAP.

Quanto à Área Privada, disponibiliza conteúdos exclusivamente para as entidades que aderiram à iAP. É uma área de acesso restrito, apenas possível mediante a apresentação das respectivas credenciais. 

+

O Modelo de Dados Canónico assume-se como um ponto de referência na comunicação de dados entre as várias entidades que subscrevam os serviços da iAP. A utilização deste modelo visa normalizar a troca de dados entre a plataforma e as entidades, para que todos “falem a mesma linguagem”.

+

Os custos de utilização destinam-se a cobrir as despesas de manutenção da Plataforma de Interoperabilidade e assegurar o cumprimento dos níveis de serviço contratualizados com as entidades aderentes, sendo que cada serviço (Plataforma de Integração, Plataforma de Pagamentos e Gateway de MENSAGENS) tem associados custos diferentes.

+

Não, a entidade aderente não carece de realizar qualquer contrato adicional, o serviço já incluí o serviço de comunicações e o custo do serviço também já engloba qualquer custo inerente às comunicações com o dispositivo do utente

+

Sim, no caso do serviço de pagamentos é necessário cada entidade aderente contratualizar os método de pagamentos pretendidos (ex: VISA, Master Card, Multibanco, etc...). O serviço de pagamentos da iAP é um facilitador tecnológico que agrega múltiplos métodos de pagamento, mas não intervém na transacção financeira, esta componente financeira é da exclusiva responsabilidade de cada operador financeiro

+

Não, o acesso aos serviços de Integração de pagamentos e de mensagens disponibilizados através da iAP estãodisponíveis apenas através de canais seguros, sendo para isso necessário configurar uma rede privada virtual (VPN)

qa icon
Outras questões?
Tem dúvidas ou outras questões relativas aos serviços iAP? Contacte-nos.

Atualizado a: 18-06-2020